Gastos de uma empresa que podem passar despercebidos

Rounded Button Secondary 2

Encontrar o equilíbrio nas contas da empresa é o desejo, sem exceção, de qualquer gestor. Se é uma tarefa fácil? Nem sempre, mas há detalhes valiosos para melhorar o desempenho, como por exemplo, não deixar passar nenhum gasto, principalmente os desnecessários.

Você já parou para analisar profundamente tudo o que é consumido na sua empresa? Desde os itens irrisórios ou que considera sem importância? Costuma anotar o custo real e efetivo, bem distribuído e também considera até as coisas simples, como consumo de canetas, clips, papel higiênico, ou aquela manutenção atípica, mas que pesou no orçamento? Costuma planejar com antecedência o orçamento de sua empresa e em quais áreas deve investir ou cortar custos?

Ser detalhista, fiscalizador e observador são características imprescindíveis para monitorar e acabar de vez com os desperdícios.

Gastos, custo e despesas

Apesar de parecidos, dentro de uma empresa, cada item tem significado diferente, vale recordar que:

  • Os custos são todos os valores dispensados para adquirir matéria-prima, contratar mão de obra e os itens que incidem na fabricação ou oferta do serviço, como energia elétrica manutenção e outros. Ele existe tanto na fabricação de um produto ou nas empresas de prestação de serviços.
  • Despesas estão relacionadas à administração em si, o quanto cada área necessita para funcionar, existindo despesas variáveis e fixas.

E dentre os gastos de uma empresa, é comum encontrarmos pequenos desperdícios ou ineficiências que se repetem mês após mês causando um impacto mensurável nas contas.

  • Os famosos imprevistos, aqueles acontecimentos que acabam interferindo na produção como uma máquina ou equipamento que estraga, e não tem como deixar de fazer o reparo;
  • A falta de organização e a ausência de um detalhamento dos custos e despesas dificultam repassar este valor para o produto ou serviço final, e acabam pesando no caixa da empresa.

Nem sempre os maiores custos individuais são os mais relevantes, como por exemplo, uma reforma no escritório. Muitas vezes aqueles pequenos gastos que passam disfarçadamente e com constância são os que têm um maior impacto em longo prazo e podem diminuir consideravelmente as margens de lucro e impactar no preço de seu produto ou serviço.

Por isto, é importante sempre controlar as contas a pagar e receber de sua empresa e monitorar constantemente os relatórios, para que você possa tomar decisões estratégicas com antecedência e também detectar facilmente os gastos que estão passando despercebidos e interferindo no valor líquido que você recebe mensalmente.

Gastos são inevitáveis, mas podem ser controlados

Fique atento! Gastos com viagem podem ser simplificados!

São normais e necessárias as viagens, mas as variações de em hospedagem, tipo de transporte são grandes, pesquise e escolha o de menor valor;

  • Acompanhe os desperdícios diários e definitivamente faça a redução

O hábito da economia deve fazer parte da rotina na sua empresa, circule pelo ambiente e preste atenção nas pequenas coisas como a impressão de documentos, que às vezes são sem necessidade. E o material de trabalho? Está sendo utilizado da maneira correta? Até mesmo os consumos de copos descartáveis interferem no orçamento.

  • Relatórios devem ser visualizados nas telas dos computadores ao invés de serem impressos;
  • No lugar de copos descartáveis, você pode adotar copos de vidro ou de plástico personalizados;
  • Aproveite a facilidade e os benefícios do What’sapp e do chat do Facebook para se comunicar com seus clientes e economizar na conta de telefone.

O estoque é um grande vilão quando não administrado com eficiência

Continuando sua análise, verifique o seu estoque, observe se as quantidades estão de acordo com as necessidades. Manter um estoque mínimo é a garantia de investimento adequada.

Muitos itens se deterioram por falta de controle e isso é gasto desnecessário.

Evite manter em estoque produtos que vendem muito pouco ou que dão muito problema e geram trocas ou devoluções.

Fugas de energia, água e isolamento

Considere a hipótese de trocar as lâmpadas de seu estabelecimento ou escritório para a versão de LED, que ajudam bastante a reduzir o consumo, e se estiver dentro do seu orçamento, opte por um sensor de presença nas áreas comuns como estacionamentos, corredores e banheiros.

Preste bastante atenção se as salas que possuem ar-condicionado estão devidamente isoladas, pois se houver frestas, janelas ou portas abertas nestes ambientes, o aparelho irá funcionar de forma sobrecarregada e consumir uma quantidade consideravelmente maior de energia elétrica.

Procedimentos administrativos e financeiros

Converse com seu contador de confiança e confira se não existem formas de reduzir sua tributação, por exemplo, se enquadrando no Simples Nacional ou então através de algum outro mecanismo legal para a redução ou simplificação de impostos.

Organização financeira

Um ponto muito importe e que ajuda a maquiar os gastos que passam despercebidos em sua empresa, é o fato de que muitos empreendedores, principalmente das pequenas empresas e startups, possuem o hábito de misturar as contas pessoais com as do empreendimento, fazendo com que a administração fuja do controle por falta de disciplina na vida pessoal. As contas devem ser separadas.

Comprometimento

Não importa se você é autônomo ou ainda está pensando em abrir sua empresa, você deve se comprometer com seu objetivo de empreender desde o início de sua caminhada.

Mesmo que você já atue no mercado por bastante tempo, planeje tudo o que estiver ao seu alcance, desde seu plano de negócios, passando pela gestão financeira, e até mesmo a expansão de seus negócios para os próximos anos.

Um bom planejamento e uma gestão eficiente de seu negócio podem ser a diferença entre o sucesso e o fracasso, especialmente de quem quer se inserir em um mercado competitivo.

bhp